Comendo o namorado da filha na piscina de casa

Estava só em casa, minha mulher e minha filha tinham feito uma viagem para Páris e mesmo adorando ter toda casa pra mim com o passar dos dias o tédio tomou conta de mim. Tenho uma bela casa com piscina mas não posso chamar meus amigos pra gente fazer um programinha legal aqui  tipo um churrasco pois todos trabalham demais. Num belo dia no meio da semana o telefone toca e era o namorado da minha filha, tinha ligado pra saber se eu tinha notícias dela, algo que talvez ele não soubesse. Eu disse que não. O namorado da minha filha por incrível que pareça tem quase a minha idade, minha filha sempre gostou de homens mais velhos e seu namorado, Roberto apesar da idade era um homem bem cuidado, musculoso, boa presença, um rapaz atraente, ficamos conversando outras coisas por alguns minutos e dai tive a ideia de chama-lo pra tomar um banho de piscina aqui em casa, assim ele poderia me fazer companhia. Roberto aceitou o convite e em 2 horas ele já estava em casa. Perguntei se ele tinha roupa de banho, pois qualquer coisa eu poderia emprestar uma sunga pra ele pois temos quase o mesmo corpo mas Roberto tinha vindo prevenido. Roberto se despiu na minha frente e colocou a sunga naturalmente, mas eu não pude deixar de reparar em seu corpo musculoso. Realmente minha filha tinha bom gosto, Roberto era um macho bem gostoso. Fomos pra piscina, o dia estava bem quente e conversamos sobre muita coisa. De repente Roberto deixa escapar que sentia falta da minha filha por causa do sexo, mas imediatamente ele se tocou que ele estava falando isso para o futuro sogro e ficou sem graça. Eu não achei ruim, nem me  importei, é obvio que eu sei que minha filha já faz sexo, ela é maior de idade e eu no lugar dela namorando um macho gostoso como Roberto daria a boceta todo santo dia. Pra deixar Roberto á vontade e mostrar que eu não me importei com a conversa falei que também sentia falta da minha mulher, ou seja, sentia falta também de fazer sexo. Demos risada, e conclui que ambos estávamos carente, que precisávamos de sexo. Quando dei por mim vi que Roberto tava de pau duro, mesmo debaixo da água na piscina eu consegui ver que ele estava excitado até por que toda hora ele coloca a mão pra ajeitar o volume pro pau não sair pra fora da sunga, eu vendo aquilo acabei ficando excitado também porém não fiz questão de esconder. Roberto percebeu que eu já tinha visto o volume quase explodindo de sua sunga mas não ficou envergonhado, ficou a vontade e parou de colocar a mão pra ajeitar. Decidi ir pegar mais bebida pra gente e depois continuamos a conversa. Papo vai, papo vem, disse á ele que faria de tudo pra poder gozar com alguém naquele instante e Roberto falou o mesmo. Me aproximei dele e disse que era possível ambos matar o tesão e a falta de sexo, ele respondeu colocando a mão no meu pau, e eu retribui colocando a mão no seu pau também. Nos beijamos, nos abraçamos, nos acariciamos e ele desceu por livre e espontânea vontade até sua boca engolir meu pau, eu delirei e não demorou muito eu estava comendo o cu do namorado da minha filha na piscina de casa. Depois dessa foda com Roberto a gente trepou várias vezes até minha mulher e minha filha voltarem de viagem e continuamos metendo depois á escondidas.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*